Poltrona de amamentação

CAROLINA

Aconchegante, confortável e fácil de limpar. Saiba como escolher o móvel ideal para amamentar o seu bebê

É na cadeira de amamentar que a mamãe vai passar boa parte (para não dizer a maior) do seu tempo nas primeiras semanas depois do nascimento. Isso porque recém-nascidos demoram para mamar e fazem isso várias vezes por dia. Também é nela que ela vai chorar de dor nos seios, sorrir a cada espasmo de satisfação do filhote e dormir (é inevitável dormir enquanto se amamenta). Nem sempre os quartos de bebê comportam uma poltrona, mas, como esse é o lugar ideal para amamentar em casa (porque é onde há maior garantia de conforto), segue algumas dicas para quem está à procura de uma:

  • Não compre sem testar. Vá à loja, sente-se na poltrona e observe se, uma vez apoiados nos braços do móvel, seus ombros ficam relaxados ou tensos (levantados em direção à orelha), o que não é legal. Veja se os cotovelos estão bem acomodados ou se você tem de afastá-los muito para que alcancem os braços do sofá. Com uma boneca ou almofada nos braços, finja que está segurando um bebê e cheque se, ao levá-lo ao seu peito, você precisa inclinar o tronco para se aproximar do braço da poltrona (isso é ruim);
  • Prefira modelos com encosto lateral para a cabeça. É muito mais confortável e ajuda a relaxar o pescoço. Você também vai precisar deles quando tirar aquele cochilinho;
  • Modelos de balanço são legais. É bom poder dar uma inclinadinha e, por que não, uma balançadinha para embalar o bebê durante um choro, por exemplo. Há também versões com giro, mas é preciso checar se há espaço no quarto do bebê para isso;
  • Não se esqueça do apoio para os pés, que pode ser um pufe ou banquinho;
  • Reserve um espaço ao lado da poltrona para uma mesinha, banquinho ou prateleira. É ali que você vai apoiar um belo copo d´água (amamentar dá sede), um relógio ou celular (para controlar o tempo da mamada e não se perder do mundo), um abajur e, quem sabe, um livro;
  • Se for dormir, use uma almofada de amamentação. Dormir com os bebês seguros apenas pelos braços da mãe é uma loucura. Não faça isso. Normalmente as mamães ficam muito cansadas nessa primeira fase de vida dos filhos e até as pessoas mais alertas são capazes de relaxar os braços durante um cochilinho. Por isso, se estiver com muito sono, utilize uma almofada para apoiar o bebê e cheque se existe risco de ele virar sobre ela antes de relaxar.

Fonte: Chá de Bergamota